Redes Sociais
Publicidade

Publicado

no

A alectomia é a cirurgia plástica de nariz, que utiliza uma técnica para diminuir a base alar nasal. O procedimento estético é realizado em pacientes que estão insatisfeitos com a sua aparência. O que ocorre, muitas vezes, é a realização deste procedimento por profissionais sem o conhecimento técnico necessário.

“O que vemos nos consultórios, são pessoas que não conseguem sequer respirar por conta de cirurgias mal realizadas. Esse procedimento não deve ser banalizado. A cicatriz é definitiva e a cirurgia reconstrutora é difícil, amenizando o erro, mas nem sempre chegando ao objetivo primário do paciente”, afirma o cirurgião plástico Dr. Fernando Nakamura, Regente do Capítulo de Rinologia da Sociedade Brasileira de Cirurgia Plástica (SBCP).

Para elucidar dúvidas e questões, o especialista aponta três informações necessárias antes de optar por este procedimento.

Definitivo
O primeiro ponto, está no nome do procedimento. Contudo, na maioria das vezes, só é pensado após a cirurgia realizada. “Este procedimento, a rinomodelação definitiva, é totalmente irreversível. Se você tirar demais, pode gerar sequelas ao paciente. Por outro lado, quando bem realizado, pode trazer benefícios estéticos sem nenhum prejuízo funcional”, explica o cirurgião.

Rinoplastia
A alectomia faz parte da rinoplastia e na maioria das vezes só a alectomia não resolve a insatisfação do paciente. “Geralmente, o paciente não tem um problema só na asa do nariz. Às vezes o problema está na largura do osso, na projeção do dorso ou na ponta do nariz. Por isso, que a alectomia sozinha, frequentemente não fica boa. Sendo então, fundamental uma avaliação profissional e individualização dos procedimentos necessários para o paciente. A alectomia é a última etapa que fazemos em uma cirurgia do nariz”, pontua o médico.

Profissional
“Quando olhamos uma pessoa bem operada o foco da atenção não pode estar em seu nariz, e sim na beleza e harmonia do rosto como um todo. Então, opte por profissionais que tenham resultados naturais. Os cirurgiões plásticos e otorrinolaringologistas têm uma formação extensa para realizar este tipo de procedimento com segurança”, explica.

Por fim o médico faz um alerta às pessoas que desejam realizar a alectomia: “Uma avaliação médica é necessária, pois o nariz está no centro da face e procedimentos cirúrgicos nasais são extremamente delicados e muitas vezes complexos com potencial de complicações irreversíveis se mal realizados “.

Publicidade
Continuar Lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Anúncio

Anúncio