Redes Sociais
Publicidade

Publicado

no

Os cabelos são a parte visual mais valorizada pelas pessoas. Moldam o rosto, conferem estilo e até podem compor a personalidade. Quem não lembra do personagem Jhony Bravo, que usa um topete para demonstrar a masculinidade? Os cuidados para ter uma cabeleira atraente incluem fios limpos, bem cortados e hidratados. Mas e os cabelos brancos e grisalhos?

Para os homens os ‘prateados’ são tidos como extremamente elegantes e charmosos, sinal de maturidade, força e, até sensualidade. Porém, as mulheres eram muito criticadas por deixarem seus cabelos envelhecerem naturalmente. A pandemia mudou este cenário e atualmente pessoas de todas as idades estão aderindo aos cabelos prateados.

Com os salões fechados, o isolamento social, muita gente decidiu abandonar a ditadura das tinturas e deixar os fios com a cor natural o que, em muitos casos, significa assumir os brancos. Até grandes artistas, que trabalham o tempo todo com sua aparência na mídia, mostram personalidade ao darem um basta às tintas e exibirem orgulhosas suas raízes branquinhas. Nomes como Astrid Fontenelle, Suzana Alves, Preta Gil, Fafá de Belém e Gloria Pires estão nessa lista. “Todo mundo foi contra, o marido, os filhos. Mas fui ficando. E estou adorando. Estou me sentindo bem, bonita, empoderada mesmo!”, disse Gloria Pires em entrevista a uma revista em novembro de 2020.

Por que os cabelos embranquecem?

Deixar de pintar os fios e assumi-los em sua cor natural é, também, chamado de processo de transição capilar (assim como acontece com quem alisa e decide retomar as madeixas crespas ou cacheadas).

Mas você sabe por que os cabelos se tornam brancos com o passar do tempo? “A causa do embranquecimento é a falta de melanina, pigmento responsável pela coloração, e é parte do processo natural de envelhecimento. Mas não existe uma faixa etária que determine o início do aparecimento da canície (nome científico para os cabelos brancos). Algumas pessoas mais jovens podem apresentá-la devido a fatores genéticos, estresse, doenças e até o uso de medicamentos (como alguns antibióticos a ansiolíticos), que podem acelerar o aparecimento de cabelos brancos”, explica a médica tricologista Luciana Passoni.

Ainda segundo ela, acredita-se que, em geral, aos 50 anos de idade, 50% dos cabelos em 50% das pessoas, são grisalhos. Alguns estudos mostram que deficiências nutricionais podem afetar a pigmentação dos cabelos. “Níveis baixos de ferritina sérica, vitamina B12, vitamina D3 e cobre, podem estar relacionados ao aparecimento precoce de cabelos brancos”, explica Luciana.

O envelhecimento prematuro do cabelo de uma pessoa também pode ter causa genética. Se os pais apresentaram fios grisalhos antes, ou por volta dos 30 anos, é provável que os filhos tiveram alguma alteração no gene responsável por regular a produção de melanina, fazendo com que os brancos apareçam mais cedo, assim como nos genitores.

Cuidados

Os cabelos brancos e grisalhos necessitam, e muito, de cuidados para ficarem saudáveis, alinhados e chamarem a atenção positivamente. Nutrir e hidratar são rotinas constantes para quem quer manter seu cabelo grisalho impecável. Para não ficar com a raiz grande e branca e o restante do cabelo colorido, é possível adotar alguns métodos para amenizar o contraste entre o natural e a parte com tintura, sempre, claro, respeitando as características dos fios.

Na fase de transição para os brancos, é possível fazer nos salões procedimentos como luzes invertidas, para igualar a cor e um bom corte de cabeço para se livrar da parte com química.

Além de hidratar, outra dica é usar óleo capilar 100% vegetal (como o óleo de coco ou argan) que nutrem a fibra profundamente e tem ação umectante. Uma dieta equilibrada e beber muita água completam a lista de cuidados.

Publicidade
Continuar Lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Anúncio

Anúncio