Redes Sociais
Publicidade

Publicado

no

O abacate é uma fruta que atua combatendo e prevenindo contra doenças e pode trazer muitos benefícios para a saúde. A fruta é rica em nutrientes, vitaminas e carboidratos altamente importantes para o corpo, além de também ser usado em muitas receitas que ajudam a manter a alimentação saudável.  

A nutricionista Larissa Ramos explica quais são os principais benefícios proporcionados pelo consumo do abacate e enfatiza a importância desse alimento para o sistema imunológico e nervoso. “O abacate tem gorduras mono e poli-insaturadas que, quando consumidas corretamente, são consideradas ‘gorduras boas’, aquelas que fazem com que o colesterol ruim (LDL) diminua no organismo.  Também contém vitamina E, magnésio e componentes antioxidantes e anti-inflamatórios, que fortalecem o seu sistema imune e ajudam o sistema nervoso”, afirma.  

Segundo a nutricionista, o abacate tem gorduras mono e poli-insaturadas que, quando consumidas corretamente, são consideradas gorduras boas, ou seja, aquelas que fazem com que o colesterol ruim (LDL) diminua no organismo, o que se torna benéfico quando se trata de doenças cardiovasculares.  

Larissa explica que o consumo de abacate associado a carboidratos proporciona um menor índice de glicêmico da refeição, auxiliando controle da glicemia em diabéticos. Possui, ainda, uma série de micronutrientes valiosos, como o potássio e o magnésio. Além disso, por ser uma importante fonte de potássio e ter um baixo teor de sódio, ajuda a regular a pressão sanguínea, prevenindo derrames e doenças cardíacas. 

A nutricionista reforça que existe uma frequência e quantidade para comer o abacate, além da importância de consumir sob a orientação de um especialista. “Como se trata de um alimento gorduroso, claro, não dá para consumi-lo de forma desenfreada ou simplesmente somá-lo à dieta sem realizar nenhum tipo de mudança. É sempre necessário o acompanhamento de um profissional para um plano alimentar individualizado”, destaca.  

De acordo com a especialista, existem horários indicados que são ideais para consumir a fruta. “O abacate dá saciedade por conta das gorduras, por isso é indicado comer no meio da tarde ou no café da manhã. No caso de pessoas que almejam um ganho de massa muscular, a ceia também é uma opção para comer o abacate, já que durante o sono, é secretado o hormônio do crescimento, e o abacate estimula essa secreção. Para os praticantes de musculação que querem ter hipertrofia, quanto mais hormônio de crescimento, melhor o ganho de massa muscular”, pontua.  

Existem pessoas que acreditam que o abacate pode engordar, mas a nutricionista revela que essa questão está associada a grande quantidade de consumo da fruta. “Muita gente tem a ideia equivocada de que o abacate engorda, quando, na verdade, o problema está no consumo exagerado da fruta. Trata-se de um alimento bastante calórico e, por isso, deve ser consumido com moderação. Importante frisar que nenhum alimento sozinho tem o poder fazer engordar ou emagrecer. O abacate acaba recebendo esse fama por ser bastante calórico e, por isso, quando consumido em grandes quantidades pode contribuir para o ganho de peso”, finaliza. 

Publicidade
Continuar Lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Anúncio

Anúncio

Anúncio

INSTITUCIONAL

O Front Saúde

Bem-vindo à Revista Digital Front Saúde! Aqui você encontra as melhores notícias na área da saúde.

E se você soubesse de algo que pudesse salvar a vida de alguém que você ama?