Redes Sociais
Publicidade

Publicado

no

O autocuidado é o ato de cuidar de si próprio. Algo que na prática, deveria ser realizado por todos, tanto homens, quanto mulheres, mas que na realidade nem sempre funciona desta forma.  

É muito comum ouvir falar sobre autocuidado feminino, mas, há também o autocuidado masculino, que envolve práticas saudáveis relacionadas ao estilo de vida do homem 

De acordo com o Urologista Ricardo Rocha, os homens ainda consideram cuidar da saúde um tabu, mas relativamente menor se comparado a alguns anos. “Infelizmente, ainda existe um tabu. Hoje em dia está restrito as gerações mais antigas e principalmente aqueles com menos grau de instrução. Segundo Instituto Nacional do Câncer (Inca), o câncer de próstata é o mais comum entre os homens, representando 29% de todos os cânceres no Brasil. Todo ano surgem mais de 65 mil novos casos por ano. É muito importante se manter informado para que seja eliminado qualquer preconceito relacionado ao seu autocuidado”, afirma.  

De acordo com o especialista, o homem vive estatisticamente sete anos e meio menos que a mulher, porque de forma cultural, o homem é menos focado no seu autocuidado.  Para o urologista, é necessário investir na saúde física e mental. “É fundamental investir em prevenção e na saúde da mente e do corpo para conquistar a longevidade com mais qualidade de vida”, explica.  

Alguns cuidados essenciais para a saúde masculina “Nós adoecemos porque não fazemos o simples. O homem deve sempre buscar melhorar o seu estilo de vida com escolhas e atitudes saudáveis na alimentação, no sono, na atividade física, evitando o uso do álcool e cigarro, reduzir o estresse, além de ir pelo menos uma vez ao urologista ou médico clínico”, ressalta Ricardo Rocha.  

A atividade física é uma das principais forma de autocuidado. O personal trainer Renato Torres aponta os benefícios que a prática regular de exercícios pode trazer. “Os benefícios da prática de atividade física são muitos. Posso destacar a melhora da imunidade, da disposição, do sono, ajuda na prevenção de doenças, no emagrecimento, entre outros, no caso dos homens ajuda até na produção e regulação da testosterona, principal hormônio masculino”, afirma. 

O personal reforça a importância da atividade física, mas também a necessidade de realizar avaliação médica antes de iniciar. “Para todos os homens que desejam começar a praticar uma atividade física, o ideal é realizar o famoso ‘check-up’ com o seu médico, para que ele libere a atividade que deseja. Isso dá mais segurança, prevenindo de possíveis riscos pelo esforço durante a atividade, além de preservar a saúde”, conclui.  

Publicidade
Continuar Lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Anúncio

Anúncio