Redes Sociais
Publicidade

Publicado

no

Para quem não é fã de academia, atividades ao ar livre são uma ótima opção. Os treinos podem ser feitos a qualquer hora e tem inúmeros benefícios. Além de proporcionar o contato com a natureza, são mais agradáveis e motivadoras, estimulando os hormônios  de sensação de felicidade e calma no pós-treino. 

Para o Coach e personal Felipe Moura, 30, bastam cinco minutos de atividade ao ar livre para melhorar o humor e a autoestima dos alunos, e podem ser mais saudáveis e eficientes “Com essa nova realidade de pandemia precisamos nos reinventar. As atividades em grupos feitas em parques e praças são grandes estimuladores para nossos alunos, com métodos adaptáveis e controle do distanciamento” afirma. 

Ainda segundo Felipe, a procura por exercícios como pedal, Cross Fit, corrida e atividade aeróbica trazem vantagens para saúde mental, autoestima, saúde física e são aliados no processo de emagrecimento, fortalecimento por terem mais intensidade .

“Esse tipo de atividades quebram um pouco da monotonia e solidão da academia, e podemos adaptar aos treinos com vários itens domésticos como por exemplo mochilas no lugar de halteres. Colhemos um resultados mais rápido e satisfatório”, explicou. 

Quer saber quais as opções de treinos ao ar livre? Então confira na lista a seguir.

Corrida

A corrida queima calorias, pois eleva a frequência cardíaca, além de ser uma ótima atividade para as pernas. Ela é também um dos melhores exercícios para o coração e para os pulmões, para redução de gordura e para fortalecimento dos ossos.

Ciclismo

Esse é um ótimo treino ao ar livre. Aproveite as ciclofaixas e os parques para a prática e fortaleça os músculos das coxas, glúteos e panturrilha. Andar de bicicleta é muito bom para o coração, ajuda a controlar a diabetes e aumenta os níveis de energia criando resistência física.

Treino funcional

Consiste em utilizar o peso do corpo nas atividades, que trabalham vários grupos musculares ao mesmo tempo, como flexão de braço e agachamento. Mas além da força esses exercícios também trabalham o sistema cardiovascular com atividades como corrida, pular corda e polichinelo.

Ele é bem completo e dinâmico, os exercícios são feitos alternadamente e com pouco descanso, e é uma boa opção para fazer em parques e praças, porque precisa de poucos equipamentos. Uma corda, alguns pesinhos e elásticos são suficientes, mas não se preocupe se não tiver, pois a maioria dos exercícios é feita sem equipamentos. Fortalece os músculos, melhora a postura, trabalha o sistema cardiorrespiratório, o equilíbrio, a coordenação motora e a flexibilidade, e ajuda a emagrecer.

Jump

Para fazer jump você precisa de uma pequena cama elástica. Basta fazer coreografias usando braços e pernas, dando muitos pulos. Você pode fazer no quintal de casa, mas aproveite um espaço ao ar livre, que será muito mais divertido. Essa atividade queima gorduras e fortalece a musculatura das pernas, braços e abdômen.  

Step

Use uma plataforma para sua aula de step ou até algumas escadas no parque que costuma ir. A ideia é subir e descer alternando e elevando as pernas. O step é ótimo para as coxas, panturrilhas, glúteos e abdômen. Quem pratica gasta calorias e melhora o condicionamento físico e a coordenação motora. Gostou das dicas de treino ao ar livre? Então comece agora a praticar!

Publicidade
Continuar Lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Anúncio

Anúncio

Anúncio

INSTITUCIONAL

O Front Saúde

Bem-vindo à Revista Digital Front Saúde! Aqui você encontra as melhores notícias na área da saúde.

E se você soubesse de algo que pudesse salvar a vida de alguém que você ama?