Redes Sociais
Publicidade

Publicado

no

A perda de uma pessoa querida é um processo doloroso. Aceitar a perda envolve um momento delicado de um processo psicológico muito importante: o luto. Por mais difícil que seja se adaptar com uma nova realidade, vivenciar o luto é essencial e saudável. Psicólogos afirmam que é importante passar pelo luto para que não fiquem resquícios desse sentimento ao longo do tempo.  

Para lidar com essa emoção é preciso conhecê-la, falar sobre e explorar suas repercussões, conforme afirma o psicólogo Rafael Costa. “Cada dor é individual, tem um sentido único para cada pessoa. Acredito que conhecer esse sentido ajudaria a superá-lo. O acompanhamento profissional é sempre essencial, pois trás acolhimento, direção, estimula a troca de sentimentos, o despertar de insights”, afirmou.

O luto está relacionado ao sentimento de perda, afastamento e solidão, de acordo com o psicólogo. “O luto não está relacionado somente com a morte, mas com o sentimento de estar longe de algo que nos faz falta, algo que fomos obrigados a fazer na pandemia quando tivemos que nos afastar de coisas que amamos fazer e pessoas importantes. Então nessa período esse sentimento foi potencializado, e por isso muitas pessoas sofreram”, explicou.

A procura por um profissional deve ser uma escolha individual. “Buscar ajuda deve ser uma decisão pessoal, quando a pessoa percebe que não está dando conta daquilo que sente, que a angustia. Estamos sempre vivendo experiências de angustia e sofrimento, e isso é natural, até o ponto em que esses sentimentos se tornam maiores que a nossa capacidade de controlá-los e quando isso acontece é importante procurar ajuda”, concluiu Rafael.

Publicidade
Continuar Lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Anúncio

Anúncio