Redes Sociais
Publicidade

Publicado

no

Após testes clínicos avançados, a vacina Abdala, produzida em Cuba, apresentou 92,28% de eficácia contra a Covid-19. O anuncio foi feito nesta segunda-feira, 21, via twitter, pelo laboratório BioCubaFarma, responsável pelo imunizante.

De acordo com o fabricante, a vacina se mostrou eficaz após a aplicação de 3 doses. Dias antes, Cuba divulgou a vacina Soberana 2, com 62% de eficácia, com duas, das três doses previstas.

Caso seja aprovada, a Abdala será a primeira vacina produzida na América Latina.  A Organização Mundial da Saúde (OMS) exige eficácia de pelo menos 50% para que uma vacina seja aceita.

Cuba passa por um momento crítico da pandemia, com um forte surto da doença. Nesta segunda-feira, foram registrados 1.561 novos casos e desde o início da pandemia, 169.365 casos, com 1.170 mortes.

Autoridades cubanas pretendem pedir à autoridade reguladora nas próximas semanas, permissão para o uso emergencial de suas vacinas.

Publicidade
Continuar Lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Anúncio

Anúncio