Redes Sociais
Publicidade

Publicado

no

A velocidade em que as mudanças de comportamento, negócios, trabalho e modalidades de consumo foi muito superior a tudo o que havia sido previsto antes da pandemia. Uma pesquisa sobre tendências para este ano, feita pela Exame Academy e ACE, sinalizam o que será temporário e o que veio pra ficar.

  1. Nomadismo digital: com a pandemia e a necessidade de isolamento social, o movimento #fiqueemcasa obrigou a quase todos ao home office. Muitas empresas de visão perceberam logo que esse modelo traz inúmeras vantagens e portanto, o expressivo número de 74% de empresas já sinalizaram que pretendem manter essa modalidade como opção definitiva, haja vista a economia com custos fixos, eventuais prejuízos com acidentes de trabalho, e com os resultados satisfatórios de empresas de capital aberto, oriundos da maior produtividade.
  2. Audiovisual: reuniões, palestras, aulas, workshops, congressos e até atividades físicas tiveram que se adaptar às telas e com isso, ações do Zoom na Nasdaq (bolsa de valores das empresas de tecnologia) dispararam e se valorizaram em 775% nos últimos meses de 2020.
  3. Startup: modelo de empresas com baixa liquidez e que possam ser financiadas por um investidor-anjo cresce a todo vapor. E muitas já estão visando a abertura de capital para venda de ações na bolsa. Uma ótima oportunidade para players adquirirem cases de sucesso.
  4. Fusões e Colabs: somar forças vem sendo uma tendência no mercado com a crise sanitária, que serviu de alternativa para a sobrevivência de muitos negócios. Iniciativas de inovação aberta, parcerias, fusões e aquisições vêm aumentando e se mostrando produtivas, pois, traz sangue novo para antigas ideias.
  5. Solidariedade e empatia: A ESG, sigla usada para designar investimentos com critérios de responsabilidade ambiental, social e de governança ganha força no mercado de investimentos. As empresas e investidores estão filtrando os valores antes de negociar ações.
  6. Aluguel e assinatura de produtos: produtos passaram a ser vendidos como serviços já faz algum tempo e portanto, as licenças foram substituídas por mensalidades mais acessíveis, por exemplo, no mercado tecnológico. Fitas cassete de filmes foram sendo extintas com o surgimento de serviços com pacotes de assinatura;  o usufruto passou a ser preferência ao invés da aquisição
  7. Aprendizado contínuo: cursos de curta duração a preços populares; atualização de conhecimento e desenvolvimento de habilidades para se tornarem competências.

Publicidade
Continuar Lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Anúncio

Anúncio