Redes Sociais
Publicidade

Publicado

no

A imunização contra a covid-19 é uma das principais formas de combater a pandemia, mas para isso, é necessário imunizar pelo menos 20% da população de cada país, entre elas, pessoas idosas e trabalhadores da saúde que apresentam maior risco para a covid-19, defende Santiago Cornejo, diretor de Engajamento com os Países do Covax Facility, consórcio que reúne nações para a aquisição de vacinas, em entrevista exclusiva ao Estadão.  

De acordo com Santiago, a aliança ainda precisa distribuir 1,7 bilhão de doses para alcançar esse objetivo. Até o momento, já foram entregues 200 milhões de doses pelo Covax. 

Foram aplicadas 5,4 bilhões de doses de vacinas no mundo todo, que significa que cerca de 40% da população global recebeu pelo menos uma injeção. Não há distribuição igualitária. Em países de renda baixa, por exemplo, apenas 1,8% da população teve a chance de iniciar a vacinação. Esses dados são da plataforma Our World In Data, vinculada à Universidade de Oxford (Reino Unido). 

Fonte: Estadão Conteúdo 

Publicidade
Continuar Lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Anúncio

Anúncio