Redes Sociais
Publicidade

Publicado

no

As unhas, também chamadas de “lâminas ungueais”, tem a função de proteger as extremidades das mãos e dos pés. Nem sempre as unhas recebem atenção necessária e o cuidado correto, o que pode resultar em infecções bacterianas e fúngicas. 

A dermatologista e doutora em infectologia Marília Brasil, explica sobre a importância de notar o aspecto das unhas para perceber alterações. “As unhas apresentam características que podem variar com a idade. A coloração diferente, a espessura, lesões e escamações são sinais que não devem ser ignorados pois podem significar doenças locais ou sistêmicas que estão sendo refletidas nas unhas”, afirma.  

De acordo com a dermatologista, as infecções mais comuns são causadas por fungos. “Geralmente ocorrem em pessoas que tem contato direto com a água ou que manuseiam solo, que usam material compartilhado como alicates de unha e calçados fechados por muito tempo”, explica.  

A especialista falou ainda que as unhas encravadas apresentam maior risco de infecção, inclusive, em pessoas que já tem uma predisposição para a disseminação de infecções como diabéticos e pessoas idosas. 

Atualmente, existem produtos que são formulados e vendidos comercialmente para fortalecer as unhas, mas é importante procurar um especialista para avaliar as unhas, pois, há casos que indicam um alerta vermelho. “É necessário entender a condição da unha porque em muitos casos, as unhas enfraquecidas tem relação com doenças sistêmicas”, disse a dermatologista. 

Hoje, existem muitas técnicas usadas para compor a estética das unhas e uma das mais conhecidas é o alongamento. A especialista afirma a importância do cuidado “Unhas feitas por alongamento também são suscetíveis a infecções devido ao uso de produtos químicos que podem ser agressivos as unhas. Para ter essas unhas, é necessário ter um cuidado ainda maior para que não ocorra infecções. Antes de fazer o alongamento de unhas, é necessário fazer uma avaliação nas unhas para saber é possível realizar o procedimento e a partir disso, fazer uma manutenção rigorosa”, detalha a dermatologista. 

Gleison Soares, conhecido como “Mago das Unhas”, é instrutor nail design e conta sobre a busca por alongamento das unhas. “Hoje em dia está sendo muito procurado e concorrido”, ressalta. 

“Mago das Unhas”. Foto: arquivo pessoal

Mago das Unhas também fala sobre a importância de realizar a técnica com um profissional certificado e qualificado. “Procurar um profissional qualificado para realizar o procedimento é sempre muito importante. A arte de fazer alongamento de unhas requer muito estudo, entender sobre a lâmina ungueal, fungos e doenças ungueais. É obrigatório, na hora de iniciar um procedimento, mostrar embasamento sobre o assunto e passar confiança para o cliente, afirma.  

Unhas por alongamento. Foto: arquivo pessoal “Mago das Unhas”.

Gleison afirma, ainda, sobre o cuidado necessário para manter as unhas feitas por alongamento. “Não existem muitas restrições, mas é necessário realizar a manutenção a cada 15 ou 20 dias”, disse. 

O cuidado com as unhas deve ser mantido constantemente e de forma adequada, como explica a Dra. Marília. “Para manter as unhas saudáveis, é necessário fazer a higiene local e adequada, fazer o corte adequado, ter cuidado para não retirar canto de unha que causem deformação, hidratar as mãos, não usar esmalte constantemente. Manter cuidados gerais com a alimentação saudável, reposição de elementos e sais minerais conforme condição do paciente e orientação médica, finaliza.  

Publicidade
Continuar Lendo
Publicidade
1 Comment

1 Comment

  1. Aline Taisa Gusmão dos Santos

    17 de agosto de 2021 at 18:08

    Ótimo texto

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Anúncio

Anúncio