Redes Sociais
Publicidade

Publicado

no

A Secretaria Municipal de Saúde de Belém (Sesma) convocou para esta sexta-feira (7) a vacinação contra o coronavírus de pessoas da capital que estão incluídas em grupos prioritários de 22 comorbidades e que nasceram nos anos de 1966, 1967 e 1968. As doses são destinadas apenas a residentes em Belém. A imunização é feita com a vacina Pfizer contra a covid-19.

Na quinta (7), o foco da campanha foram aqueles com comorbidades que têm 58 anos (nascidos em 1963), 57 anos (nascidos em 1964); e os com 56 anos (nascidos em 1965). Na quarta (5), a Sesma atendeu pessoas que têm 59 anos ou nascidas em 1962. Antes, o atendimento na etapa de imunização prioritária desta semana seria apenas para aqueles que têm comorbidades e estão entre 59 a 58 anos. Porém, o público a ser imunizado foi ampliado nesta quarta-feira (5) e, novamente, nesta quinta (6), englobando as demas faixas de idade, entre 59 e até 53 anos. De acordo com a recomendação do Ministério da Saúde, a segunda dose do imunizante da Pfizer deve ser aplicada até o dia 28 de julho.

A Secretaria Municipal de Saúde de Belém (Sesma) convocou para esta sexta-feira (7) a vacinação contra o coronavírus de pessoas da capital que estão incluídas em grupos prioritários de 22 comorbidades e que nasceram nos anos de 1966, 1967 e 1968. As doses são destinadas apenas a residentes em Belém. A imunização é feita com a vacina Pfizer contra a covid-19.

Na quinta (7), o foco da campanha foram aqueles com comorbidades que têm 58 anos (nascidos em 1963), 57 anos (nascidos em 1964); e os com 56 anos (nascidos em 1965). Na quarta (5), a Sesma atendeu pessoas que têm 59 anos ou nascidas em 1962. Antes, o atendimento na etapa de imunização prioritária desta semana seria apenas para aqueles que têm comorbidades e estão entre 59 a 58 anos. Porém, o público a ser imunizado foi ampliado nesta quarta-feira (5) e, novamente, nesta quinta (6), englobando as demas faixas de idade, entre 59 e até 53 anos. De acordo com a recomendação do Ministério da Saúde, a segunda dose do imunizante da Pfizer deve ser aplicada até o dia 28 de julho.

Cerca de 14 mil moradores de Belém devem ser vacinados com as doses da vacina Pfizer nessa nova etapa da imunização. Eles serão vacinados em 19 locais de Belém, das 9h às 17h.

Doses de Coronavac e Astrazeneca aguardam na agenda
A Sesma lembra que a retomada das imunizações com a Coronavac, com a chamada para os que precisam tomar a segunda dose, acontecerá apenas a partir de 10 de maio. E apenas no dia 16 de junho será a vez da segunda dose para os idosos que tomaram a vacina Astrazeneca/Fiocruz. A vacinação ocorre em 19 pontos. É necessário levar os documentos de RG, comprovante de residência e cartão do Sistema Único de Saúde (SUS).

Leia mais em https://www.oliberal.com/belem/belem-vacina-contra-a-covid-19-pessoas-com-comorbidades-que-nasceram-em-1966-1967-e-1968-1.384284

Publicidade
Continuar Lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Anúncio

Anúncio