Redes Sociais
Publicidade

Publicado

no

A CPI da Covid ouve o coronel Antônio Elcio Franco Filho, ex-secretário executivo e número dois de Eduardo Pazuello no Ministério da Saúde, nesta quarta-feira.

A oitiva de Franco chegou a ser marcada para o último dia 27, mas o coronel da reserva do Exército informou à CPI que não poderia comparecer por estar se recuperando da Covid

Os senadores querem entender as ações do Ministério da Saúde nas compras e abastecimento de insumos para os estados durante a crise sanitária.

Outro assunto que também deve ser abordado no depoimento são as negociações para a aquisição de vacinas contra a Covid-19. De acordo com o gerente-geral da Pfizer na América Latina, Carlos Murillo, Franco tratou diretamente com a farmacêutica durante as ofertas feitas – e recusadas – pelo governo ainda em 2020. 

A oitiva de Franco chegou a ser marcada para o último dia 27, mas o coronel da reserva do Exército informou à CPI que não poderia comparecer por estar se recuperando da Covid. O depoimento foi, então, reagendado. Atualmente, Élcio Franco é assessor especial da Casa Civil da Presidência da República.

Elcio Franco foi o número dois da pasta entre junho de 2020 e março de 2021, durante a gestão do general Eduardo Pazuello. Atualmente, ele é assessor especial da Casa Civil da Presidência da República.

Publicidade
Continuar Lendo
Publicidade
Clique para comentar

Deixe um comentário

O seu endereço de e-mail não será publicado.

Anúncio

Anúncio